bootstrap dropdown
pescador

“Depois disso apareceu a mais de quinhentos irmãos de uma só vez, a maioria dos quais ainda vive, embora alguns já tenham adormecido.” (1 Co 15.6)

Irno Prediger

Pastor Emérito

PERSONAGENS DA RESSURREIÇÃO DE JESUS

Mt 28.1-10

 Páscoa é a data mais importante da Igreja e da História. Para a Igreja porque com a ressurreição de Jesus foi derrotado o nosso maior inimigo: a morte e, nós cristãos, podemos olhar com confiança e esperança para além de nossa morte biológica. Para a História porque a ressurreição de Jesus traz uma nova perspectiva para toda a humanidade.

 De forma singela queremos nos ater um pouco em identificar no texto de Mt 28.1-10 os personagens que fizeram parte do episódio da ressurreição. Com a ajuda do Espírito Santo, procuremos tirar algumas lições deste acontecimento histórico.

I – O ANJO

Como ele era? V. 3: “Sua aparência era como um relâmpago, e as suas vestes eram brancas como a neve”. Ele apareceu dos céus junto com um terremoto. Não foi à toa que os guardas do túmulo levaram um grande cagaço!

O que ele fez? V. 2: “chegando ao sepulcro, rolou a pedra da entrada e assentou-se sobre ela”. A grande pedra colocada na entrada do túmulo onde Jesus foi sepultado, era para garantir que ninguém tiraria Jesus dali. Mas os homens não puderam trancar Jesus na sepultura. Nem o diabo e a morte! Jesus venceu o poder da morte. Ele ressuscitou e vive. Isso vale também para nós os que cremos nele. Estamos em Jesus Cristo e ele em nós. portanto a semente da ressurreição e da vida está em nós. Como Jesus ressuscitou, vencendo a morte, também nós seremos ressuscitados e viveremos para a eternidade. O anjo sentado sobre a pedra de sepultamento sinaliza quem manda aqui. Não são os homens, nem a morte e nem o diabo!

Qual foi a sua mensagem para as mulheres? V. 5-7: a) “Não tenham medo! b) Sei que vocês estão procurando Jesus, que foi crucificado. Ele não está aqui; ressuscitou, como tinha dito. c) Venham ver o lugar onde ele jazia. d) Vão depressa e digam aos discípulos dele: Ele ressuscitou dentre os mortos e está indo adiante de vocês para a Galiléia. e) Lá vocês o verão. Notem que eu já os avisei”.

II – OS GUARDAS

 Os guardas são realmente personagens sem importância neste episódio da ressurreição de Jesus. Eles foram colocados ali junto ao túmulo de Jesus por aqueles que o crucificaram. Eram para garantir que ninguém tirasse o corpo de Jesus. A respeito deles o texto apenas escreve no v. 4: “Os guardas tremeram de medo e ficaram como mortos”. Depois fugiram dali.

Deus permitiu que seu Filho fosse morto e sepultado, mas ninguém pode deter no túmulo aquele que é a ressurreição e a vida (Jo 11.25). E todos aqueles que se opõe a Cristo serão humilhados. “E, sendo encontrado em forma humana, humilhou-se a si mesmo e foi obediente até a morte, e morte de cruz! Por isso Deus o exaltou à mais alta posição e lhe deu o nome que está acima de todo nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é Senhor, para a glória de Deus Pai” (Fp 2.8-11).


III – AS MULHERES

 Mateus cita duas: Maria Madalena e a outra Maria (uma tia de Jesus?!). Os outros evangelhos citam mais outras. Elas foram as primeiras pessoas a receberem as notícias sobre Jesus ressuscitado. Também foram as primeiras a vê-lo vivo na manhã da Páscoa.

 Estas mulheres tiveram esta recompensa por terem sido fiéis a Jesus. Elas haviam estado no cruz, acompanhando todo o drama da crucificação de Jesus até a sua morte. Ficaram no Calvário mesmo quando o céu se encobriu de trevas do meio dia até à meia tarde, quando Jesus morreu. Também não arredaram seu pé de perto da cruz quando o corpo de Jesus foi retirado por José de Arimatéia e Nicodemos. Acompanharam o sepultamento de Jesus, feito às pressas, ao anoitecer da sexta-feira, ainda antes de começar o shabbat dos judeus. Viram onde o corpo de Jesus foi sepultado no túmulo de José de Arimatéia, numa gruta aberta para dentro duma grande rocha. Viram a grande pedra ser rolada na frente do túmulo. Enquanto isso os discípulos de Jesus já há muito haviam ido se esconder numa casa da cidade. As mulheres não abandonaram Jesus até o último instante, mostrando seu amor por Jesus.

 Agora são estas mulheres que recebem a recompensa pelo seu amor a Jesus. Elas recebem o privilégio de serem as primeiras pessoas do mundo a se defrontarem com o túmulo vazio e de Cristo ressuscitado e vivo. Daí surgem três imperativos:

1. Elas são animadas a crer.

Tudo era tão surpreendente que parecia ser bom demais para ser verdade. O que estavam experimentando naquele domingo de manhã era simplesmente algo fantástico. Chegam ao túmulo e veem um túmulo vazio e um anjo sentado sobre a pedra. O anjo lhes lembra da promessa que Jesus havia feito a respeito de sua ressurreição. Ele as confronta com o túmulo vazio. Cada uma das palavras do anjo era uma chamada para fé.

Não é assim conosco? Também nós pensamos às vezes que as promessas de Jesus de ressurreição e vida eterna são demasiadamente formosas para serem verdadeiras? Mas essa dúvida só conseguimos dissipar quando levamos as promessas ao pé da letra. Foi crendo e indo em obediência que elas encontraram o Senhor ressurreto pessoalmente. Assim também é conosco. Creia e vá em fé!

2. Elas são desafiadas a compartilhar

Quando as mulheres tinham descoberto a realidade do Cristo ressuscitado e vivo, seu primeiro dever foi o de proclamar e testemunhar a sua experiência com Jesus com os outros. “Vão depressa e digam aos discípulos dele...” (v. 7). Essa é a primeira ordem que é dada à pessoa que descobriu a maravilha de Jesus Cristo!

3. Elas são animadas a se alegrarem

A palavra com que Jesus ressuscitado as saudou foi “chairete” (v. 9). Era a maneira comum de saudar-se, mas o significado literal de “chairete” é “alegrai-vos!”. A pessoa que tem encontrado o Senhor vivo deve viver para sempre na alegria de viver na presença de Jesus, pois nada mais pode separar-nos daquele que ressuscitou e vive!

IV – JESUS

 Jesus saudou as mulheres com um gentil “Chairete”! Deu-lhes palavras de ânimo: “Não tenham medo”. Deu-lhes uma missão: “Vão dizer a meus irmãos que se dirijam para a Galiléia; lá me verão”. E todos os que já haviam crido em Jesus viram o Senhor ressuscitado. Paulo escreve anos mais tarde em 1 Co 15.6: “Depois disso apareceu a mais de quinhentos irmãos de uma só vez, a maioria dos quais ainda vive, embora alguns já tenham adormecido”.

CONCLUSÃO

 Jesus é o grande personagem deste dia da Páscoa (esqueçam o coelhinho!). Não é mentira (hoje é 01/04). Ele ressuscitou” Ele vive! Ele venceu o poder da morte! Ele é O Senhor!

 Pela fé nós temos parte nesta vitória de Jesus Cristo sobre a morte. Proclamemos a mensagem ao mundo!


COMPARTILHE EM SUAS REDES SOCIAIS

Endereço

Rua Protázio Garcia Leal, 1137 
Três Lagoas - MS

Contato

Email: secretaria@luterana3lagoas.com.br